Liberando a energia de Cristo

6

Inicialmente o tema do Capítulo Geral de 2013 não me parecia claro: “Liberar a energia de cura de Cristo.” Que energia?

Um dia, ao orar e refletir sobre isso, compreendi que minha vida diária e meu viver a Palavra explicariam tudo a mim. Várias vezes nesse dia senti que uma nova luz me trazia uma visão mais profunda.

No mundo e na sociedade ao nosso redor, há muito desperdício... de alimentos, dinheiro, tempo. Muitos talentos são sufocados; estamos sempre pensando em nós próprios e nos concentramos em construir coisas que nem sempre servem a Vida.

É 8comum atentarmos às aparências e não ao verdadeiro valor das coisas para construirmos um mundo com mais solidariedade. Tudo é alguma forma de promoção comercial; quem tem dinheiro, força e poder avança, enquanto os fracos e desprotegidos ficam para trás.

O desafio que somos chamados a enfrentar é viver a Palavra, pois apenas a energia vivenciada pode liberar a “energia”, abrir a porta para nossos irmãos, irmãs, filhos, idosos e impotentes… uma porta que consiste em ouvir e oferecer ajuda concreta, que nos permite entender o que é o amor incondicional, o que é a esperança. A energia de cura se exprime e é experimentadacomo:

  • uma graça
  • uma bênção
  • uma escuta de todo coração
  • possibilidades nascentes
  • uma abertura para algo mais
  • uma maior compreensão e aceitação
  • os braços abertos a todos
  • um conforto –
  • um toque suave
  • um toque delicado
  • um abraço
  • um sorriso acolhedor
  • o enternecer da dureza de um coração
  • um deixar partir e um entrar em relação
  • uma libertação
  • o Caminho … a Verdade … a Vida
  • Amor.

Temos essa experiência todos os dias em nosso ministério Abrigo da Esperança. Ao vivermos a Palavra, podemos tornar vivas as palavrasdai e dar-se-vos-á em abundância”… etudo o que quereis que os homens vos façam, fazei-o vós a eles”.

7

A esperança torna-se realidade e dá valor a cada pessoa que passa pelo nosso ministério e nos pede algo, vivenciando uma Providência que sempre ultrapassa nossas expectativas.

Tocamos com nossas mãos a energia de cura de Cristo e como faz milagres; as pessoas que encontramos sentem-se amadas e isso, por sua vez, as cura e liberta.

Durante este período, enquanto procuramos crescer em nossa dimensão contemplativa, podemos efetivamente constituir a profecia de nossa vida hoje e no futuro.

Uma de nós também relembrou um Capítulo da década de 1970, quando foi escrito o Documento da Cura – um documento que de muitas formas exerceu um impacto significativo e trouxe luz à vida.

Ir. Cristina di Nocco, sfp

COMUNIDADE

Entra na comunidade

Nome de usuário *
Senha *
Lembrar de mim

1 banner celebrando pt

2 banner p biblico pt

3 banner preghiera pt

4 banner canonizzazione pt

6 banner donazioni pt

Newsletter